Margarida Salomão é eleita a primeira prefeita de Juiz de Fora

tratamento impotência

Margarida Salomão (PT) é eleita a primeira prefeita de Juiz de Fora neste domingo, 29, pelo 2º turno das Eleições 2020. A candidata petista ganhou após disputar pela quarta vez a prefeitura da maior cidade da Zona da Mata. Margarida teve 54,94% dos votos (144.529 eleitores) contra 45,02% de Wilson Rezato (118.349 eleitores).

Deputada federal eleita por Juiz de Fora e ex-reitora da UFJF, ela vence após a quarta tentativa nas urnas.

Margarida Salomão informou que começa a transição já nesta segunda. Ela iniciou as conversas com o atual prefeito Antônio Almas já neste domingo e apresentou nomes que estarão na comissão de transição.

Venda de imóvel, apartamentos em Juiz de Fora

Após o resultado das urnas, ela recebeu apoiadores no Comitê da Praça da Estação e falou sobre a perspectiva para o governo.

Prefeita eleita Margarida Salomão (PT)

Margarida Salomão tem 70 anos, foi a primeira mulher a ser reitora da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e primeira mulher eleita a deputada federal pela cidade. Como prefeita eleita, governará em uma Câmara recordista em representação feminina – 4 mulheres do PT, PSOL e PSC, ambas com forte histórico de militância política.

A abstenção em Juiz de Fora foi de 29,12% (119.497 eleitores). Votos brancos, 2,74% e nulos 6,87%.

O candidato Wilson Rezato informou, por meio de sua assessoria, que concederá coletiva nesta segunda-feira, 30, às 11h, em seu escritório político, que fica no Bairro Alto dos Passos.

radio ao vivo mais ouvida em jf