Cadeiras adaptadas ampliam inclusão a visitantes de unidades de conservação na Zona da Mata

Na região da Zona da Mata, três unidades de conservação receberam cadeiras adaptadas para as pessoas que possuem deficiência e mobilidade reduzida. O equipamento permite que as áreas dos parques sejam acessíveis para locomoção.

Segundo as informações do Governo de Minas, as cadeiras conhecidas como Julietti e anfíbia, foram compradas pelo Instituto Estadual de Florestas (IEF). A Secretaria de Estado de Cultura (Secult) recebeu R$ 120 mil por meio de uma emenda parlamentar.

Na região, os locais incluem a Estação Ecológica Água Limpa em Cataguases; o Parque Estadual Serra do Brigadeiro em Araponga, Divino, Ervália, Fervedouro, Miradouro, Muriaé, Pedra Bonita e Sericita, além do Parque Estadual do Ibitipoca, em Lima Duarte.

Parque Estadual do Ibitipoca

De acordo com informações do Governo de Minas, em Ibitipoca, localizado no distrito de Lima Duarte, a compra das cadeiras foi feita por meio de um jantar beneficente, organizado pelo parque e pelos moradores locais.

No momento, existem duas cadeiras disponíveis para serem utilizadas, o que possibilita que pessoas com dificuldades de locomoção tenham acesso a locais como o mirante Janela do Céu.

Unidades de Conservação em MG com cadeiras adaptadas:

• Parque Estadual do Itacolomi (Ouro Preto e Mariana);
• Parque Estadual da Serra do Rola Moça (Belo Horizonte, Brumadinho, Ibirité, Nova Lima);
• Parque Estadual Mata do Limoeiro (Itabira);
• Estação Ecológica Água Limpa (Cataguases);
• Parque Estadual do Rio Preto (São Gonçalo do Rio Preto);
• Parque Estadual Pico do Itambé (Santo Antônio do Itambé, Serro e Serra Azul de Minas);
• Parque Estadual da Lapa Grande (Montes Claros);
• Parque Estadual do Rio Doce (Marliéria, Dionísio, Timóteo);
• Parque Estadual do Pau Furado (Araguari e Uberlândia);
• Parque Estadual do Biribiri (Diamantina);
• Parque Estadual Serra do Brigadeiro (Araponga, Divino, Ervália, Fervedouro, Miradouro, Muriaé, Pedra Bonita, Sericita);
• Parque Estadual Nova Baden (Lambari);
• Parque Estadual da Baleia (Belo Horizonte);
• Parque Estadual Serra do Papagaio (Alagoa, Aiuruoca, Baependi, Itamonte, Pouso Alto);
• Parque Estadual de Grão Mogol (Grão Mogol);
• Parque Estadual Serra Nova e Talhado (Rio Pardo de Minas, Serranópolis de Minas, Mato Verde, Porteirinha, Riacho dos Machados);
• Monumento Natural Estadual Serra da Piedade (Caeté);
• Parque Estadual Serra Verde (Belo Horizonte);
• Parque Estadual do Ibitipoca (Lima Duarte) – recursos próprios.

Leia também: