Semana da Consciência Negra: Evento discute falta de representatividade no ambiente acadêmico

Com o objetivo de discutir a situação do professor negro, o preconceito e o racismo no ambiente acadêmico, o Centro Universitário Estádio Juiz de Fora promove o “Webinar Negritude e Ciência: urgências e realidades” nesta quinta-feira, 19, às 19h30.

A ação, que é gratuita e aberta ao público, faz parte da Semana da Consciência Negra. Para acessar, clique aqui.

Dados do Censo da Educação Superior mostram que apenas 16,4% dos professores acadêmicos são negros.

A doutora, jornalista e pesquisadora Tâmara Lis, que é professora dos cursos de comunicação da Estácio JF, explicou que, nesses 15 anos de professora acadêmica, percebeu uma grande inserção de alunos negros no ensino superior, muito por conta do sistema de costas e programas de incentivos.

Porém, quando se trata de professores acadêmicos negros, o panorama é diferente, necessitando um olhar mais atento para esta questão.

Tâmara Lis


O convidado do webinar é o professor Paulo Sergio Gonçalves, que é doutor em Estudos de Literatura e Coordenador do Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros da Estácio/RS. Quem vai mediar o debate é a Tâmara Lis, que é doutora em Ciências Sociais com especialização em juventudes, negritude e identidades.

radio ao vivo mais ouvida em jf