Juiz de Fora ultrapassa a marca de 1.000 mortes por Covid-19

tratamento impotência

Juiz de Fora superou nesta noite de sexta-feira, 26, a marca de 1000 mortes por Covid-19. Com 17 novas ocorrências nas últimas 24 horas, a cidade soma 1.002 vidas perdidas pela doença.

Dos novos óbitos, cinco são de pessoas com menos de 60 anos. O mais jovem é um homem de 45 anos, sem nenhuma comorbidade. Entre os idosos, a faixa etária é de 63 a 87 anos.

O boletim de hoje ainda traz 23.906 casos confirmados, sendo 219 nas últimas 24 horas. 69.153 casos são considerados suspeitos.

Venda de imóvel, apartamentos em Juiz de Fora

A taxa de ocupação de UTI, nas redes pública e privada, é 98.89%. Dos 13 hospitais monitorados pelo Painel Gerencial, apenas três apresentam ocupação abaixo de 100% e duas instituições – Santa Casa de Misericórdia e Albert Sabin estão com ocupação acima de 100% para o atendimento privado.

Hoje, a prefeitura de Juiz de Fora publicou decreto suspendendo cirurgias eletivas e atendimentos ambulatoriais em toda a rede hospitalar, enquanto perdurar a Onda Roxa.

A prefeita Margarida Salomão publicou vídeo nas redes sociais.

radio ao vivo mais ouvida em jf