Governo de Minas divulga plano de vacinação contra Covid-19

O Governo de Minas divulgou, na noite dessa quarta-feira, 25, a primeira versão do plano de contingência para vacinação contra covid-19. O documento divide a imunização em três fases: pré-campanha, campanha e pós-campanha.

tratamento impotência

Inicialmente, o foco é acompanhar os estudos clínicos científicos sobre os avanços no imunizante. Também é estruturado o capital humano, além de equipação das redes com câmaras frigoríficas, que serão utilizadas para armazenar o imunizante. Além disso, são realizadas compras de insumos para preparar os municípios para vacinar de forma que não haja aglomerações. A atenção primária à saúde dos municípios deve mapear o público de risco e estimar o quantitativo de doses para a região.

Durante a fase de campanha, o governo de Minas prevê até mesmo a utilização de escolta policial e “adoção de medidas preventivas de segurança”, além de “reforço de policiamento em algum local específico de vacinação”.

De acordo com o documento, serão criados 14 centros de referência para dar suporte na vacinação. O funcionamento acontecerá no período das 08h às 17h (segunda-feira a sexta-feira).

Cada centro contará com um médico ou enfermeiro responsável por coordenar a equipe, um médico pediatra, outro enfermeiro, dois auxiliares de enfermagem e um recepcionista.

Para acessar ao plano, clique aqui.

radio ao vivo mais ouvida em jf