Educação em Minas: Servidores decidem entrar em greve por tempo indeterminado

Servidores da rede estadual de educação decidiram entrar em greve, por tempo indeterminado, em reunião realizada nesta quarta-feira, 5, na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, no bairro Santo Agostinho, na região Centro-Sul de Belo Horizonte.

A greve começará na próxima terça-feira, 11, um dia após o início das aulas na rede estadual.

Segundo Denise Romano, coordenadora-geral do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG), a pauta de reivindicação é a mesma de 2019. “Piso salarial profissional nacional, a defesa do emprego e a defesa da educação pública de qualidade para todos e para todas”.

Foto: Camila Campos/ Itatiaia

radio ao vivo mais ouvida em jf
-